Como ter roupas novas gastando pouco ou nada



Não importa o quanto sejamos conscientes, sempre chega aquela hora em que cansamos de tudo que temos no armário ou simplesmente queremos uma novidade para vestir. E tudo bem querer uma roupa nova, seja por necessidade ou simplesmente pra saciar um desejo. Existem muitas maneiras de ter peças novas, seja para o dia a dia ou um evento pontual, de forma sustentável e o melhor de tudo, gastando pouco ou nada (E não, você não vai precisar usar o fio de luz como cinto ou uma folha seca como brinco).

Mas não é pq esta bem que significa que você precisa fazer a louca do fast fashion ou gastar todo o salário do mês na lojinha multimarcas. Existem algumas alternativas bem mais amigáveis em relação ao seu dinheiro e principalmente ao meio ambiente. Melhor que “brusinha” nova, é “brusinha” nova, boa e barata. 

Compre peças de segunda mão: Já foi o tempo que brechó era lugar de roupa velha e antiga. Hoje é possível encontrar de tudo, inclusive grifes famosas (Especialmente em brechós boutique que vendem peças mais caras). As vezes uma boa garimpada rende mais do que uma ida na Zara. Além de gastar muito menos, encontrar peças que são verdadeiras relíquias e fugir do “mais do mesmo” das lojas de departamento, você ainda está prolongando a vida útil das roupas e incentivando o comércio local.

Troque com amigas: Aqui da pra brincar com duas situações: A primeira envolve roupas paradas no armário ou que não servem mais, então junte as amigas e troquem entre si essas peças (De preferencia com bebidas, comidinhas deliciosas e muitas risadas). A segunda situação não é bem uma troca, mas sim um empréstimo. Quem nunca pegou uma saia emprestada? Organizar em evento mensal para emprestar roupas por um tempo é uma ótima maneira de garantir vários looks diferentes sem gastar dinheiro ou abrir mão do que já tem.

Upcycling ou customização: Sabe aquela jaqueta jeans ou camiseta que estão em ótimo estado e servem perfeitamente, mas você já enjoou de tanto usar? Você pode simplesmente dar uma cara nova para a peça tingindo, bordando, cortando, colando patches… Procure inspirações no pinterest e aproveite para ter algo totalmente exclusivo.


Das três opções que citei, minha favorita é a customização. Acho incrível ter algo que mais ninguém tem e já faço experimentos desde o inicio da minha adolescência quando uma lata de tinta spray prata teve um encontro muito bem sucedido com uma calça jeans velha e um desastroso com o chão e a parede (Pra desespero da minha mãe, que só não me colocou de castigo pq amou minha calça “nova”). 

Enfim, espero ter te ajudado a encontrar uma forma de renovar o armário ou garantir aquela item que está fazendo falta de uma forma mais consciente, barata e divertida. Antes de fechar a aba me conta aqui nos comentário se você já fez algo parecido com as dicas que citei no post ou se tem mais alguma sugestão para incluirmos nessa lista. Ah, por favor, não deixa de me contar se também já se aventurou na customização e se deu certo.

You May Also Like

0 comentários

Obrigada pela visita!

Sinta-se em casa e se gostar do post, não esqueça de comentar.

Beijos!