Cinema

[Filme] Sniper Americano

13:00

Título Original: American Sniper
Lançamento: 19 de Fevereiro de 2015
Direção: Clint Eastwood
Duração: 132 minutos
Gênero: Guerra

Chris Kyle é um texano que sempre sonhou ser cowboy, e seu pai, desde quando ele era pequeno lhe ensinou a caçar. Aos 30 anos ele resolve se alistar para as forças especiais da marinha americana com o intuito de ajudar seu país. Ele é enviado para o Iraque e lá acaba se tornando um atirador de elite, sendo considerado o mais letal da história do exército americano. Por um lado, Chris é considerado um herói, já que salvou vários de seus companheiros; por outro lado, ele é um assassino, já que matou diversas pessoas para que estes seus companheiros pudessem sobreviver.

O filme recebeu muitas criticas por causa disso. Chris é considerado um herói, porém, muitos não acreditam que tudo o que ele fez para ganhar este título lhe faz um merecedor. Eu, que não gosto de filmes de guerra justamente pela quantidade incontáveis de mortes, fui conquistada pela história de Kyle. O filme é cheio de tensão, onde podemos sentir como se estivéssemos na própria pele do personagem.



Algumas cenas são bem angustiantes exatamente por mostrar essa experiência vivida por Kyle. Esta é uma produção americana, então é claro que as atitudes do personagem não são questionadas em momento algum durante a produção. A trama torna-o um herói, mas será que ele é mesmo?

O filme não retrata apenas os problemas vivenciados pelo atirador de elite nos momentos em que está em suas funções. Mostra também como é difícil para uma pessoa que passou por tudo aquilo, conseguir voltar à sua vida normal. A atuação de Cooper é excelente, e enquanto mostra o drama vivido por ele em meio à guerra, vemos Sienna Miller, como Taya, esposa de Chris, sofrendo com a ausência dele e lutando para tomar conta dos dois filhos e, principalmente, sofrendo por ver o marido arriscando sua vida diariamente.



É um filme americano totalmente patriota, e isso é cristalino. Se tem uma coisa que americano gostam é mostrar os acontecimentos do 11 de Setembro e o quanto eles foram prejudicados. Apesar disso, a história de Chris Kyle é incrível, e foi mostrada de forma genial pelos olhos de Clint Eastwood. Já Bradley Cooper não foi menos que excepcional. O ator precisou se transformar bastante para assumir este papel mas conseguiu fazer uma atuação bem natural, contida quando necessário e explosiva nos momentos certos.



É um ótimo filme, apesar de mostrar algumas passagens de tempo rápidas de mais logo no começo. Em um minuto o casal principal está se conhecendo, no outro minuto estão fazendo juras de amor, e em um minuto depois estão se casando e tendo filhos. Chris pode ser considerado um vilão, mas ao mesmo tempo em que eles nos mostram isso, nos fazem ver que "se está morto é porque mereceu".

Você pode gostar disso

0 comentários

Obrigada pela visita!

Sinta-se em casa e se gostar do post, não esqueça de comentar.

Beijos!

Último vídeo

Assista também: