Dieta

Minha vida Saudável - Como tudo começou

16:10




Escrevi uma primeira versão desse post, falando um pouquinho sobre tudo, mas o negócio ficou gigantesco. Então resolvi dividir em várias partes. Nessa primeira parte falo sobre o que me levou a mudar minha vida sedentária e cheia de gordices por uma vida fit e um pouco sobre minha rotina de exercícios.




Resolvi falar um pouco sobre minha versão saudável depois de receber dezenas de perguntas no twitter e no formulário de contado do blog. Antes de começar, quero deixar claro que não sou uma autoridade no assunto, não sou uma blogueira fitness e o que da certo pra mim, não significa que dará certo pra todo mundo. Entendidos? Então vamos lá.

Tudo começou quando entrei na universidade e comecei a trabalhar. Não tinha tempo para praticar atividades física (E nem vontade) e minha alimentação foi de ruim para pior. O resultado é que 5 anos depois, formada em Design e muitos quilos acima do peso, me dei conta de que estava sendo negligente, não só com minha aparência, mas principalmente com minha saúde. 

A vontade de mudar de estilo de vida veio no finzinho de Novembro. A comilança pós-formatura – Que foi em Outubro – me fez chegar a alarmantes 70kg. Lembro como se fosse ontem o susto que levei quando subi na balança e o primeiro dígito havia mudado de 6 para 7. Assim que entrou Dezembro comecei a dar jeito na vida. Moderei a alimentação, cortei refrigerantes, frituras, diminui a quantidade de doces e comecei a fazer caminhadas. Mas não era o suficiente, precisava fazer algo a mais. Uma semana depois e apenas 200 gramas mais leve, procurei uma academia para começar a malhar de verdade.

Com a nova rotina de exercícios diários consegui perder mais 2kg em um mês. Mas então começou um dilema aqui em casa. Minha mãe achava que eu estava comendo pouco, e eu – totalmente neurótica – achava que estava comendo demais. Para eliminar as dúvidas e ter certeza de que estava seguindo uma dieta saudável, procurei uma nutricionista. Minha primeira consulta foi na metade de Janeiro e nela descobri que estava com mais de 6kg de sobrepeso (Na época estava com 68,300kg) e que meu peso ideal seria de 55kg.  Ok, tudo bem. Respirei fundo e me comprometi a perder 5kg até Março. Com a nova dieta e a rotina de exercícios, comecei a notar diferenças significativas na balança. Ainda não estamos em Março, mas já perdi aqueles 5kg. 

Minha rotina de exercícios consiste em  ir a academia pela manhã e praticar Yoga no fim da tarde.  Na academia faço 40 min de aeróbico (20min na esteira e 20min no elíptico do inferno), e malho inferiores e superiores em dias alternados.  Algo que eu não esperava é que hoje realmente gosto de ir a academia. Escolhi um horário com pouco movimento e meu instrutor é super gente boa – até quando eu xingo e faço cara feia – e isso tudo ajuda muito a não perder a empolgação. 


Esse é o Thiago, meu carrasco instrutor que aumenta o peso e quando eu reclamo, ri da minha cara e diz que depois vou agradecer. Odeio admitir, mas ele está certo. Meu novo manequim 38 agradece.

Espero ter esclarecido algumas das dúvidas que recebi. Continuem mandando perguntas que vou respondendo sempre que possível.  Sei que minha história não é tão impressionante como algumas que vemos por aí, mas depois de tantas perguntas e de ver a Tag #FiqueMagraAlê bombando, percebi que seria válido compartilhar.



Infelizmente na vida real não temos um Chris Powell mudando pra nossa casa, cantando pra gente acordar, abraçando e dizendo você consegue. 



Na semana que vem conto um pouco mais sobre a Yoga, um negócio que parece chato, parece fácil, parece entediante, mas dói pra burro.

E vocês, mais alguém lutando contra a balança? Malhando? Contem pra mim e continuem usando a tag #FiqueMagraAlê, seja em uma pergunta ou em uma foto  do instagram.

Você pode gostar disso

2 comentários

  1. ai, nem me fale, não estou a cima do peso, mas sou bem sedentária e adoro comer porcarias
    não tenho tempo para ir para a academia, ou fazer qualquer outro exercício. quando chega as férias eu sempre tento fazer algo para me movimentar, mas normalmente tenho preguiça hhahaha
    eu ri demais com o "elíptico do inferno" hahaha
    aaaah, quero o post sobre a yoga logo
    amei este ultimo gif ai, vou ficar babando nele mais um pouquinho...

    ResponderExcluir
  2. Olha.. posso afirmar que a Alessandra é suuuper dedicada, dedicada mesmo, os resultados aparecem e o aluno sempre se motiva mais. Mas a Alessandra é dedicada, segue o treino e não resmunga muito (bem pouco) quando eu aumento o peso nos aparelhos.. Está de parabéns de verdade, já é uma atleta, pois ir na academia todo dia, e malhar mais de uma hora, é coisa de atleta já. :)

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita!

Sinta-se em casa e se gostar do post, não esqueça de comentar.

Beijos!

Último vídeo

Assista também: