Cinema

De Repente Pai

15:50





Título Original: The Delivery Man
Lançamento: 10 de Janeiro de 2014
Direção: Ken Scott
Duração: 103 minutos
Gênero: Drama/Comédia

Nada na vida de David Wozniak dá certo. O homem já está com 40 e poucos anos, e só mantem seu emprego pelo fato de seu pai ser dono do negócio. Ele é totalmente desastrado e faz tudo errado. Não é atoa que está falido, devendo muito dinheiro e sendo ameaçado de morte.





Sua namorada acaba de descobrir que está gravida, e ela não está muito certa de que David será um bom pai para a criança. Como se não bastante isso, ele acaba de descobrir que é pai de outros 533 jovens. Quando ele era mais novo, há uns 20 anos atrás, David fez várias doações de esperma em troca de dinheiro, e agora vários desses filhos se unem em um processo judicial para tentar encontrá-lo e para tentar uma reaproximação.

Indo contra os conselhos de seu advogado e melhor amigo, ele decide ir atras de alguns desses filhos, como se nada fosse nada, e sem revelar sua real identidade, para conhecer um pouco deles. Para a sua própria surpresa, ele acaba se identificando e gostando destes jovens.


A ideia do filme é legal, original, mas o humor é fraco, não há grandes gargalhadas nem nada muito divertido. A trama apenas mostra um pai, que descobre de repente que é pai de vários filhos e que tenta se reaproximar e se tornar presente na vida deles. Acredito que a trama teria sido da mesma forma se David descobrisse que tivesse 100, 50 ou até mesmo 5 filhos. O número foi somente exagerado, acredito eu, para chamar a atenção, mas no final das contas não deu muito certo. Vi em algum lugar que a história do filme era verídica, mas não consegui encontrar nenhuma fonte confiável que confirmasse isso. Se alguém souber, por favor, me avise!


Quanto ao elenco, Vince Vaughn e Chris Pratt, seu advogado totalmente bobo, se sobressaíram perante a atuação dos outros personagens. Está produção é um remake de um longa canadense "Meus 533 Filhos", de 2011, e dirigido também pelo próprio Ken Scott. Há várias cenas idênticas entre os dois filmes, e o diretor perdeu uma ótima chance aqui de fazer um segundo longa muito melhor do que o primeiro.

Você pode gostar disso

1 comentários

Obrigada pela visita!

Sinta-se em casa e se gostar do post, não esqueça de comentar.

Beijos!

Último vídeo

Assista também: