Livros

Niki leu: Peça-me o Quiser

18:18

Atenção!! Livro recomendado para maiores de 18 anos!



Sinopse: Primeiro volume de uma trilogia, Peça-me o que quiser, da escritora espanhola Megan Maxwell, é um romance sobre desejo, paixão e erotismo sem limites. Lançada na Espanha em novembro de 2012, a trilogia é um sucesso de vendas no país, aparecendo em todas as listas de mais vendidos. 
Com tempero latino e uma abordagem excitante, a autora conta a história da secretária espanhola Judith Flores e seu chefe, o alemão Eric Zimmerman, também conhecido como Iceman: um homem muito sério e com os olhos azuis mais intensos e sexies que ela já viu. Recém-chegado ao comando da empresa Müller, antes dirigida por seu pai, Eric tem uma atração instantânea pelo jeito divertido de Judith e exigirá que ela o acompanhe nas viagens de trabalho pela Espanha. 
Mesmo sabendo que está se metendo numa situação arriscada, a ideia de estar ao lado de Iceman é irresistível. Com ele, a jovem viverá experiências sexuais até então inimagináveis, em um universo de fantasias eróticas pouco convencionais. Conciliando sexo e romantismo na medida exata, Peça-me o que quiser é uma história de amor cheia de encontros e desencontros, na qual os jogos eróticos, o voyeurismo e o desejo de ultrapassar todos os limites do prazer são os grandes protagonistas.


E com esse livro a literatura erótica avança outro nível. Impressionada, seduzida, envolvida, chocada... Infinitas palavras vêm à mente sobre como me senti ao concluir essa leitura.

Se eu gostei? Gostar é pouco. Fiquei viciada, impossível parar de ler.

A história começa quando Jud conhece Eric enquanto estão presos em um elevador. Ela não sabe que ele é seu chefe, e dessa maneira, Jud age como... Ela mesma! E seu jeito espontâneo e divertido chama a atenção do bonitão.

O livro é narrado em primeira pessoa por ela e foi uma das narrativas mais legais que já vi. Longe de ser uma mocinha tradicional com vocação para mártir, Jud tem muita atitude e não leva desaforo para casa.

Sabe aqueles momentos em que a heroína vê ou imagina algo ruim e fica calada, levando à um mal entendido dramático? Jud não faz isso. Se ela não gosta, reclama. Se fica com ciúmes, mostra. Se o herói está sendo idiota, ela deixa isso bem claro para ele.

E o que falar do Eric? Alemão, sexy, seguro e misterioso. Nada a surpreender, certo? Mas ele faz. Muito instintivo, Eric me arrebatou logo. Ainda que tenha quela fachada de durão, o cara é um amor, divertido, confiável e com medos.

Eric está determinado a ter Jud, mas de preferência nos termos dele. No início fiquei incerta pensando que ela não poderia ser feliz desse jeito, mas a questão é que ela passa a adorar tudo aquilo que o mundo de Eric envolve. Não é só mais um sobre dominação e submissão (como na maioria desse novos romances eróticos), apenas da busca pelo prazer absoluto, sem receios, julgamentos ou tabus.

Leio bastante livros do gênero, mas esse me surpreendeu muito. Estamos falando de ménages (com homens e mulheres), demostrações públicas, fantasias... Esse é um livro que impressiona. se você tiver a mente aberta e disposição para se divertir com uma leitura erótica,  "Peça-me o que Quiser" é uma opção mais do que recomendada!





Título: Peça-me o que Quiser
Autora: Megan Maxwell
Editora: Suma de Letras
Páginas: 408

Você pode gostar disso

1 comentários

  1. Também adoro um pouco de erotismo de vez em quando, mas depois da onda Cinquenta Tons, fiquei um tanto quanto relutante devido à repetição desenfreada da mesma fórmula em todos os livros do gênero, mas por Peça-me o que quiser vi que não é bem assim... Estou curioso!
    Abraço,
    Vinícius - Livros e Rabiscos

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita!

Sinta-se em casa e se gostar do post, não esqueça de comentar.

Beijos!

Último vídeo

Assista também: