Livros

Stephanie leu: Corajosos

16:00

Sinopse: Como policiais, Adam, Shane, Nathan e David enfrentam bravamente gangues violentas e o tráfico de drogas na cidade de Albany. No entanto, o maior desafio de sua vida não está nas ruas, mas dentro de casa. A relação de cada um desses homens com a esposa e os filhos está ruindo, mas nenhum deles faz nada para resolver a situação. Apenas quando uma tragédia se abate sobre Adam é que eles percebem que precisam mudar seu comportamento e reconquistar a confiança de suas famílias. Com a fé abalada, Adam começa a estudar a Bíblia para descobrir o que Deus espera dele como pai e o que deve fazer para se tornar uma pessoa melhor. Assim, descobre nas palavras de Jesus a sua verdadeira missão: deixar um legado positivo para seu filho e ajudar outros pais a colocar a família em primeiro lugar. Tocado por esse aprendizado, Adam inspira seus amigos a assinar um documento comprometendo-se a ser pais e maridos mais presentes. A “Resolução” acaba tomando uma proporção maior do que o imaginado e se tornando um valioso instrumento para transformar centenas de vidas. Baseado no filme homônimo de Alex e Stephen Kendrick, Corajosos mostra como a relação com os pais pode marcar profundamente – para o bem ou para o mal – a vida de uma pessoa.





Para aqueles que gostam de ler sobre as virtudes da religião e sobre o amor de Deus e Jesus Cristo, esse livro é um verdadeiro deleite. Eu o enxergo como "A Cabana", mas sem uma participação direta do Criador. Aqueles que creem e acompanham a fé cristã vão realmente se emocionar. 

Mas acredito que Corajosos não esteja aí apenas para agradar aos crentes. E digo isso porque não sou adepta do cristianismo e nem de qualquer outra religião, mas ainda assim, adorei o livro. O enredo envolvendo situações complicadas da vida de 4 policiais - sendo que ser policial já é, ao meu ver, estar sempre em situações complicadas - mostra um mecanismo religioso de superação. O mesmo não é convincente para todos, mas aqueles que não dão crédito à fé, podem ainda apreciar o que é a família, de onde surgem problemas e que a solução é o amor e a dedicação. O sentimento cristão é trabalhado desde o início entre as personagens, mas o policial Adam é quem vai tomar seu rumo em direção a Deus e também vai tentar fazer com que seus companheiros o sigam. É o único modo que ele encontrou de cicatrizar uma ferida tão grande e dolorosa, além de evitar que seus laços familiares de desfaçam. 

O livro também aborda o dia a dia dos oficiais, a vida de garotos que cedo ou tarde passam a fazer parte de gangues pesadas, uma terrível situação em que um marginal passa a se envolver com sua família e muito mais. 

Bondade, amor, dever, sofrimento e fé, tudo isso reunido de uma maneira simples de compreender e, ao mesmo tempo, cativante, sendo você cristão ou não. Basta apenas ser sentimentalmente flexível. Recomendo a qualquer um que estiver passando as férias em casa. 





Título: Corajosos - A honra começa em casa. 
Autor: Randy Alcorn (Baseado no roteiro de Alex Kendrick e Stephen Kendrick). 
Editora: Arqueiro
Páginas: 288

Você pode gostar disso

2 comentários

  1. Oi Stephanie,
    Gostei de ler sua resenha positiva em relação a este livro!
    A capa é linda e parece capa de filme, será que vão lançar?
    O único nesse estilo que tenho mas não li, só vi o filme é Prova de Fogo, já ouviu falar??? é bárbaro!!!

    Beijos
    Chrys
    Todas as coisas do meu mundo

    ResponderExcluir
  2. Minha mãe vai amar esse livro! É bem o tipo dela... já sei qual o próximo presente vou dar. Resenha maravilhosa.

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita!

Sinta-se em casa e se gostar do post, não esqueça de comentar.

Beijos!

Último vídeo

Assista também: